26 de novembro de 2016

Miguel Silva suspenso preventivamente por 20 dias


O Conselho de Disciplina da Federação Portuguesa de Futebol decidiu instaurar um processo disciplinar e suspender preventivamente por 20 dias o guarda-redes do Vitória João Miguel Silva. A decisão surge na sequência dos incidentes ocorridos no final do jogo em que o Vitória eliminou o Boavista da Taça de Portugal